quarta-feira, 6 de julho de 2011

VOLTEI !!!


Olá pessoal... sei que devo desculpas a todos, mas realmente estive com muito trabalho nas últimas semanas, entraram muitos clientes na loja solicitando projetos da casa toda e com isso foi acumulando muitos projetos... em casa com esse frio confesso que não tenho coragem de sentar na frente do computador e também nem tenho cabeça pra pensar em algo, aliás em casa, a última coisa que quero é pensar.
Porém hoje tirei um tempinho para poder escrever, em consideração a todos os leitores. Gosto muito do meu blog e mais ainda de saber que as pessoas estão gostando e acompanhando... porém como trabalho de projetista, vendedora, psicóloga, mãe, mulher, esposa e dona de casa não é nada fácil... postarei apenas uma vez por semana: nas quartas-feiras!
Assim... prometo não falhar nas postagens!

****************************************************************************

Portanto, segue um pouco do que passei nas últimas semanas:

Muitas pessoas acham que o projetista tem que trabalhar de graça.
Cada dia que passa, percebo mais e mais o abuso dos cliente, exigindo projeto de graça, pedindo que o projeto seja enviado por e-mail para poder orçar no concorrente... essas coisas, sem ao menos levar em consideração o trabalho, a preocupação que a pessoa teve em fazer o projeto em se preocupar com cada detalhe técnico, de circulação de harmonia.

Semana passada, tive a infelicidade de medir num cliente, foi a medida mais demorada da minha vida: uma cozinha minúscula por sinal, fiquei no cliente mais de 1hora, eram tantas fotos, tantas informações que cheguei a fica tonta... no final da medida veio a surpresa: o cliente tinha pressa, queria o projeto para ontem pois o pedreiro iria começar a reforma e ele precisava definir os pontos, até aí tudo bem é normal, porém ele teve a audácia de dizer que para olhar tinha que ser a noite e que não iria comprar agora, queria apenas o projeto para definir os pontos elétricos e hidráulicos. Aja paciência!!!

O pior é que não dá pra gente gritar, espernear, ou simplismente virar as costas e ir embora: temos é que engolir em seco, baixar a cabeça e fazer o projeto... e com isso projetistas de todos os cantos vão acumulando cada vez mais sapos e úlceras! É simmm... cuidado que esses abusos dos clientes somente poderão acabar com uma bela úlcera, aí vc vai acabar numa sala de cirurgia, vai ter que se encostar no INSS e aí eu quero ver você sobreviver ganhando apenas “o piso do comércio”. 

Pense nisso! Pense com carinho! E valorize-se!!!! Pois depois poderá ser tarde de mais!!!
Aff.... depois não vem dizer que a Roseli não avisou heim...

4 comentários:

  1. Roseli...pura realidade...e infelizmente é o que acontece,quando nao é o cliete é o patrao que nao reconheçe o nosso trabalho e dai aparecem as doenças psicológicas e o nosso trabalho vai caindo...é uma pena mas nem todos os empresários valorizam seu empregado , nem mesmo os clientes farao isso!!!

    ResponderExcluir
  2. Eu sou projetista e lojista....vejo que cada dia a coisa piora, o respeito pelo trabalho é o mais difícil de se ver, só essa semana 3 clientes pediram o projeto por e-mail. Muitos leigos nos olham como vendedores e não como projetistas, acreditam que você precisa mover terras para atendê-los, tudo sem compromisso...hehe....

    ResponderExcluir
  3. Juliana Có Martins16 de abril de 2012 00:06

    Nossa!!! Achava que isso só acontecia comigo...
    Me sinto até mais aliviada de certa forma...
    Brincadeirinha!
    Mas é isso mesmo... É cada uma que temos de aguentar!!!!

    ResponderExcluir
  4. vc passou os pontos sem ela comprar??? isso sim é abuso

    ResponderExcluir